Ir para o conteúdo

Como continuar estudando sem sair de casa

Quarentena não é férias! Na codeBuddy, isso significa que nossos alunos continuam estudando sem sair de casa, aprendendo e avançando em sua educação tecnológica.

Com o surto de Coronavírus abalando a normalidade das nossas vidas, as escolas estão fechadas enquanto crianças e pais se reúnem em casa para uma confraternização inesperada. E, com ela, novos desafios. Afinal, atividades estimulantes e educativas não devem parar.

Já estávamos um pouco preparados para essa realidade – nossas aulas são pensadas para serem executadas também em casa, com atividades e interações que não precisam da assistência constante dos pais. Ajudinha essa muito bem vinda, não é mesmo?

Um sistema híbrido de ensino tecnológico

A gente trabalha com a metodologia de ensino híbrido. Isso significa que misturamos as estratégias pedagógicas de ensino presencial tradicional com o EAD – o ensino a distância.

O mais bacana do ensino híbrido é que, mesmo em nossas aulas presenciais, utilizamos a base virtual para que os alunos avancem no aprendizado de maneira autônoma. É isso mesmo: nossos alunos são os donos de seu próprio aprendizado. Os conteúdos são absorvidos em aulas visuais, enquanto os instrutores podem aprofundar as questões específicas de cada aluno.

Nossa plataforma educativa virtual é chamada de GameBuddy. Nela os alunos podem vivenciar seu desenvolvimento nos conteúdos em um mapa, visualizando cada nível do aprendizado como uma nova fase de um jogo. O mesmo sistema é experimentado em casa e na sala de aula, o que cria uma conexão especial de aprendizado entre espaços diferentes.

Além disso, nossos instrutores mantém o contato pela própria plataforma, sugerindo desafios para serem feitos em casa. Legal, né? Autonomia do início ao fim!

Se tudo isso já é uma constante no modo codeBuddy de ensinar, a crise de COVID-19 não encontra, na nossa escola, uma falta de preparo. Na verdade, ela reforça justamente que essa dinâmica híbrida continua acrescentando conhecimento e diversão no dia a dia dos nossos alunos, que seguem estudando sem sair de casa.

Atividades, desafios e interação!

Mesmo que boa parte das nossas atividades já pudessem continuar funcionando em ritmo normal a partir de uma abordagem EAD, acrescentamos desafios e atividades extras para que o tempo em casa seja aproveitado com engajamento aprimorado.

E uma novidade: os mundos codeBuddy que exigem mais encontros presenciais estão sendo abarcados em soluções especiais para a quarentena. Um de nossos projetos do mundo Maker, por exemplo, utiliza uma ferramenta digital chamada Tinkercad, que simula a montagem de circuitos eletrônicos e permite que projetos materiais sejam criados em casa com a mesma lógica eletrônica que aconteceria em sala de aula.

Uma de nossas propostas para esse mundo é um projeto de sinal de trânsito. Parece chato? Observa só: pedimos para que os aventureiros se aprofundem no conhecimento e criem um sinal de trânsito adaptado para deficientes visuais. Você consegue imaginar isso? Nossos alunos, sim!

Outra curiosidade é que aqueles alunos que estão no mundo da programação de games, por exemplo, estão utilizando a plataforma online Construct 3 para desenvolver um jogo 2D. Quem disse que jogar é só passatempo?

Ah, e temos também um desafio especial para os nossos alunos mais novos. Com plataformas como o Scratch, programamos o trabalho com a criatividade, com o desenvolvimento de histórias em quadrinhos em ferramentas online. É pura criatividade.

Queremos que nossos alunos criem um mundo melhor

Além de continuarem a desenvolver o raciocínio lógico e aprenderem conceitos de programação, todos são encorajados a compreender problemas mundiais e levar diversão e informação para toda a família.

A crise do coronavírus está demonstrando que muitos serviços ou costumes de nossa sociedade precisam ser melhorados. Novas ideias devem povoar o futuro e as crianças de hoje serão fundamentais nesse desenvolvimento.

É por isso que nossos projetos educativos não buscam apenas desenvolver a programação, mas engajar habilidades socioemocionais de forma a aprofundar o pensamento crítico e social. 

Dentre os diversos temas propostos para esse período, destacam-se os voltados para ecologia, sustentabilidade e saúde. Pergunte, por exemplo, a qualquer aluno codeBuddy quais são as medidas de prevenção ao novo coronavírus – eles vão te apresentar a resposta de um jeito completamente inusitado e criativo. Olha só:

https://www.instagram.com/p/B-W4is6FsmA/

E a realidade anda lado a lado com essas novas propostas. Temos até mesmo uma missão envolvendo o cancelamento das Olimpíadas no Japão e o combate às fake news, promovendo apenas informações corretas. Alunos engajados? Temos! Check!

Uma educação atual e simultaneamente voltada para o futuro

Educar no século XXI significa manter passos atentos e buscar entender os ventos rápidos de mudanças sociais e tecnológicas que acontecem a todo o tempo. 

Eventos inesperados como o coronavírus podem alterar a forma como entendemos a educação e o trabalho, mas uma coisa é certa: a tecnologia tem apresentado papel fundamental para nos mantermos conectados nesse momento delicado. Do mesmo modo, ela será mais do que importante no dia de amanhã.

O momento é, sem dúvidas, difícil. Mas o futuro nos aguarda, e as inovações necessárias serão feitas por crianças que aprendem desde já que elas podem, sim, mudar o mundo. Essa crise vai passar, mas, enquanto isso, fique por dentro de tudo que acontece aqui – e sem precisar sair de casa.

0 Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*