Blog

YouTube na Infância: é melhor proibir ou controlar? Veja o que é preciso considerar para decidir

Postado em 21 de dezembro de 2020 - por codeBuddy

Quem já viu seu filho com os olhos vidrados no vídeo que assiste pela Internet sabe: YouTube na infância é um tema de muita importância. Certamente você quer o melhor para o seu pequeno, então as consequências de uma plataforma ampla e livre como essa precisam ser conhecidas.

São muitas as dúvidas: os conteúdos ajudam ou prejudicam a formação das crianças? O YouTube é confiável? É melhor proibir ou limitar o acesso do YouTube na infância? Você pode começar a encontrar respostas procurando entender as principais motivações de por que seu(a) filho(a) gosta tanto de YouTubers.

Mas, se o seu caso é ainda não ter habilidade com a tecnologia ou se você fica abismado com a facilidade com que os pequenos transitam entre sites, portais, vídeos e jogos, então é hora de se sentar. O assunto “YouTube na infância” é sério e merece a sua atenção. Leia o artigo até o final e entenda como o YouTube pode fazer a diferença na educação e carreira do seu filho!

O YouTube é uma plataforma para todas as tribos

O Comitê Gestor da Internet no Brasil conduziu uma pesquisa muito interessante: a TIC Kids Online Brasil, que investigou o uso da Internet por crianças e adolescentes em nosso país. Algumas conclusões são muito importantes, inclusive, para você constatar que não está sozinho quando esse é o assunto. 85% das crianças e adolescentes entre 9 e 17 anos são usuários de Internet no Brasil.

Além disso, de 2012 a 2017, o uso de celulares da garotada passou de 53% para 93%. Um prato cheio para o YouTube, uma plataforma com excelentes recursos audiovisuais, que permite a interação entre públicos de todas as idades e, ainda, com a presença de youtubers empáticos aos problemas, desejos e curiosidades da garotada, que ama estar conectada à Internet. 

Quer um público mais ansioso por respostas, aprovação e pertencimento do que crianças e jovens? É justamente por isso que plataformas como Google e YouTube são procuradas por eles antes mesmo de tentarem esclarecer as suas dúvidas com os pais e educadores.

Tudo é rápido nessas plataformas que atendem a todo tipo de grupos e tribos. Isso explica o uso do YouTube na infância da geração alfa – você pode saber mais sobre o assunto lendo o nosso artigo “5 dúvidas sobre por que ensinar robótica para crianças”.

Por que adotar essa ferramenta de aprendizado?

Oportunidades podem ser percebidas como ameaças, e vice-versa. Esse ponto é fundamental para responder à pergunta central deste artigo, que é sobre proibir ou limitar o uso do YouTube.

Os educadores, em geral, concordam que é preciso permitir o YouTube na infância, mas monitorando e educando, sempre. O foco deve ser: como usar essa magnífica ferramenta que a Internet proporciona para aprendizado, trabalho e lazer com altos níveis de qualidade?

Para crianças e jovens, o YouTube é, em especial, uma das melhores e talvez a mais acessada plataforma de aprendizado disponível. Trata-se, portanto, de uma ferramenta de aprendizado gratuita e já aceita pelo público em geral. Além disso, não se pode desconsiderar que é com essas plataformas, como YouTube e Google, que os jovens de hoje vão interagir na fase adulta, seja em suas vidas pessoais ou até profissionais.

Quer dicas sobre isso? Leia o nosso artigo 5 coisas que todos os pais deveriam saber sobre o YouTube.

Garota acenando para smartphone

É possível confiar?

Já houve muita discussão sobre esse assunto e a plataforma também desenvolveu muitas mudanças para trazer segurança aos pais e à sociedade em geral. Se, por um lado, os aplicativos, produtos e recursos do YouTube não foram desenvolvidos para crianças, por outro lado o Google permite ativar a supervisão para conta já existente de uma criança menor de 13 anos, pelo app Family Link, e gerenciar as configurações de atividade da criança, inclusive as do histórico do YouTube.

Também é possível utilizar o app YouTube Kids. Ele inclui vídeos infantis de sucesso, acesso a conteúdos novos e variados, sempre apresentados de forma fácil de usar para as crianças. Esses dispositivos permitem que os pais ou responsáveis escolham a configuração do tempo e do nível de conteúdo adequado para a criança, se ela pode ou não usar a função de pesquisa, assim como controlar o acesso ao YouTube, com bloqueio ou permissão de acesso ao site ou, mesmo, ao aplicativo principal do YouTube.

Naturalmente a plataforma não se exime de erros, até porque seus algoritmos utilizam uma tecnologia chamada machine learning – ou aprendizagem de máquina – em que o próprio sistema vai aprendendo de acordo com a dinâmica de sua aplicação.

Por esse motivo, não basta permitir o uso do YouTube na infância, é preciso monitorar e educar para uma navegação consciente e segura. Afinal, cada família tem os seus próprios valores e encontrará os limites de navegação e tempo de utilização da plataforma pelas crianças, não é mesmo?

Educar para usar o YouTube pode mudar a vida do seu filho

A tecnologia é feita para mudar positivamente a qualidade de vida das pessoas. Isso não é diferente para você e sua família. Educar para usar o YouTube na infância pode ser uma decisão que mudará a vida de seu filho, mas como isso acontece?

Mais do que uma ferramenta de aprendizado, o YouTube é um canal de comunicação, de projeção e de construção de uma realidade diferente. Ao preparar um vídeo para o YouTube, a criança é estimulada a experimentar disciplinas que poderiam ser entediantes ou mesmo passar despercebidas.

Para produzir um vídeo, é preciso decidir sobre um conteúdo que agregue valor e gere interesse de espectadores; é necessário, muitas vezes, pesquisar o que já foi feito e investigar novas alternativas. A criança exercita o planejamento, a elaboração de um roteiro simples, a produção, a finalização e os requintes de uma produção profissional.

É uma experiência e tanto!

De quebra, ao aprender a produzir e publicar um vídeo para o YouTube, seu filho desenvolve a visão espacial, a percepção de qualidade de iluminação e de som e, dentre outras habilidades, aprende também que tanto o lazer quanto o trabalho podem ser responsáveis, produtivos e divertidos ao mesmo tempo. É uma experiência que faz muita diferença, seja por simples lazer ou para estimular capacidades que seu pequeno já demonstrou ter ou querer desenvolver.

Menino segurando uma câmera em frente aos olhos

Meninas e meninos têm uma oportunidade imperdível

A codeBuddy sabe como ensinar e estimular crianças e jovens a aprender e exercitar as tecnologias que fazem parte de suas vidas. Veja o que diz o Davi, aluno da codeBuddy, sobre como isso mudou a vida dele.

A melhor forma de conciliar a vontade de realizar que crianças e jovens têm com a necessidade de educar para um futuro melhor é, sem dúvida, confiar em quem está preparado para complementar a educação com os recursos necessários. Pensando nisso, criamos uma oportunidade imperdível para meninas e meninos que querem explorar seus talentos: um curso rápido para crianças e adolescentes se transformarem em verdadeiros YouTubers!

O curso YouTube, Câmera e Ação! é feito sob medida para quem quer aprender tudo sobre captação de imagem e som, iluminação, edição e upload de conteúdos em vídeo para a internet.

São quatro aulas online, ao vivo e com todo o suporte necessário de nossos professores. E tem mais: além da produção de conteúdo, a garotada também aprende sobre a navegação online consciente e dicas de segurança. Faça a matrícula agora. É rápido, fácil e seus filhos vão amar!

É por isso que você sempre pode contar com a codeBuddy!

Curso rápido de YouTube para jovens

< Blog >

Outros artigos

5 coisas que você precisa saber sobre YouTubers mirins

5 dúvidas sobre programação de jogos para o sucesso profissional do seu filho

Uso digital: como gerenciar o tempo de tela dos jovens?